Registar! Entrar

Iswari SuperFood

Proteína em pó: podem ser cozinhadas? Descubra como usá-las.

Image
Proteína em pó: podem ser cozinhadas? Descubra como usá-las.

A proteína em pó tornou-se um produto popular nas receitas veganas e também na dieta de todos aqueles que desejam manter a forma física de maneira saudável. Mas nem todos sabem como usá-la e se as proteína pode ou não ser cozinhada. Vamos descobrir a resposta!

O que são as proteínas em pó?

Vamos começar a explicar o que são as proteínas em pó. A proteína é o componente básico dos nossos tecidos: são a base dos músculos,  da pele e do cabelo, mas também a estrutura dos nossos órgãos internos. A proteína também tem muitas outras funções no nosso corpo. Transporta várias substâncias, regula muitos processos químicos, como a produção de insulina, e age como catalisadores para muitas reações biológicas.

Para sobreviver, devemos ingerir proteína através de alimentos. Que proteínas devemos comer? As proteínas podem ser, basicamente, divididas em proteínas animais e vegetais. As primeiras são as que existem na carne, leite e derivados, peixe e ovos.

As proteínas vegetais, por outro lado, encontram-se num grande número de plantas, como leguminosas, algas, etc. Ao contrário das proteínas animais, as proteínas vegetais são muito mais digeríveis e saudáveis, são menos tóxicas para o fígado e, se são orgânicas, também estão livres de substâncias nocivas, como antibióticos, pesticidas e hormonas.

Na Iswari, acreditamos nas proteínas vegetais e oferecemos uma ampla gama de proteína em pó, todas elas de origem vegetal. Mas como podemos ou devemos usar as proteínas?

Podemos cozinhar a proteína em pó?

As proteínas vegetais que oferecemos, como a de cânhamo, ervilha e arroz, mas também as misturas Super Vegan Protein e Super Green Protein, tal como a nova proteína de cânhamo brancas, são obtidas através da moagem das plantas de origem: ervilhas, arroz ou cânhamo.

São alimentos normais e podem ser cozinhadas como qualquer outra fonte de proteína.

O que acontece com as proteínas durante a cozedura?

As proteínas são como filamentos, com vários nós ao longo de todo o seu comprimento. Os nós são os aminoácidos que as formam. Ao cozinhar, os nós derretem e os filamentos permanecem intactos. Cozinhar proteínas envolve a modificação estrutural de peptídeos, denominada desnaturação de proteínas.

Então, este processo é algo bom ou mau? A desnaturação de proteínas, isto é, a cozedura, é um fenómeno positivo de um certo ponto de vista, já que as temperaturas acima de 70 graus rompem as ligações estabilizadoras das proteínas e as tornam mais solúveis. Cozinhar envolve a divisão de aminoácidos nas proteínas em cadeias de aminoácidos menores, mais atingíveis pelo suco gástrico e, portanto, mais digeríveis.

A cozedura altera as propriedades da proteína em pó?

A cocção de proteínas em pó tem os mesmos resultados que a cocção de todos os tipos de proteínas: os valores nutricionais permanecem intactos. Com a cozedura, portanto, a qualidade da proteína não se altera e as propriedades nutricionais também não.

O único aspecto que pode ser modificado levemente é a sua digestibilidade. Como vimos, cozinhar proteína pode melhorar um pouco a digestibilidade da mesma. Mas há algo que é preciso esclarecer: cozinhar geralmente significa adicionar as proteínas a uma receita, junto com outros ingredientes, portanto não se trata apenas de cozinhar a proteína, mas também de aumentar a complexidade dos ingredientes, o que pode tornar a digestão mais lenta.

É seguro cozinhar proteínas?

Cozinhar proteína em pó é seguro. Com as nossas proteínas em pó, aplicam-se as mesmas regras que a todas as outras proteínas, como a carne,  o peixe e os legumes. Mas devemos esclarecer que a cozedura não deve ser muito longa nem a temperaturas demasiado altas. Cozinhar acima de 200 ° pode causar a produção de hidrocarbonetos aromáticos policíclicos, muito tóxicos para a saúde.

Como podemos usar as proteínas em pó da melhor maneira possível?

A melhor maneira de usar as proteínas em pó é dissolvê-las num líquido como a água para facilitar a digestão rápida. Como alternativa, podem ser usadas para a preparação de diferentes receitas. Apenas tome cuidado para não usar temperaturas muito altas e misturar sempre as proteínas vegetais com ingredientes simples e saudáveis.