Registar! Entrar

Quais As Melhores Proteínas Vegetais Para A Mulher?

Image
Quais As Melhores Proteínas Vegetais Para A Mulher?

As proteínas são os elementos de construção do nosso corpo: ossos, pele e músculos são constituídos por estas moléculas de aminoácidos. Existem diferenças entre as melhores proteínas para a mulher e para o homem?

As necessidades nutricionais, características físicas e distribuição da massa gorda na mulher e no homem são completamente diferentes. Geralmente, um homem necessita de uma ingestão calórica superior à da mulher. Um homem sedentário requer aproximadamente 2000 Kcal por dia, enquanto que a necessidade calórica de uma mulher, nas mesmas condições, ronda as 1800Kcal. No entanto, para um indivíduo ativo o cálculo é diferente.

Uma mulher ativa ou desportista pode necessitar de 2500Kcal diárias, enquanto que um homem pode chegar às 2800Kcal. Até mesmo no que diz respeito à dose diária de proteína, as diferenças são significativas. A ingestão diária de proteína que um indivíduo requer também varia fortemente de acordo com o estilo de vida que pratica e com a percentagem de massa muscular.


Quais as funções das proteínas?

As proteínas são moléculas compostas por aminoácidos. Cada proteína é consituída por uma sequência distinta de 20 aminoácidos disponíveis na natureza. A estrutura e função de cada proteína depende da sua sequência. No nosso organismo, as proteínas desempenham diversas funções e são essenciais para a nossa vida.

As proteínas são a estrutura das nossas células e, assim, dos nossos tecidos, transportam substâncias, tal como a hemoglobina, regulam hormonas, atuam como catalizadoras de inúmeras funções bioquímicas, mas também assumem um papel central no nosso sistema imunitário.


As proteínas no organismo feminino

Que proteínas necessita o corpo de uma mulher? Alguns dos problemas de saúde mais comuns estão intimamente relacionados com a saúde óssea e com desequilíbrios hormonais, sendo que as doenças cardiovasculares e o cancro da mama se destacam como os mais perigosos.

Falando de bem-estar e beleza, as preocupações mais comuns e transversais às mulheres são a gordura corporal e a saúde da pele, cabelo e unhas.

De acordo com diversos estudos científicos, as proteínas vegetais são absolutamente fantásticas para a nossa saúde. Ao contrário das proteínas de origem animal, estas não transportam gorduras saturadas, substâncias carcinogénicas que se desenvolvem na confeção, antibióticos e hormonas.


Segundo um estudo desenvolvido em 2010, uma alimentação vegetariana/vegan tem a capacidade de:

1. Reduzir o risco de desenvolver cancro da mama e do colon, devido ao geral decréscimo da ingestão exagerada de proteína;

2. Reduzir o risco de desenvolver cancro, ao equilibrar o rácio de consumo entre ómega-3 e ómega-6 (já que se aumentam as fontes de ómega-3 pela inclusão de mais frutos secos, sementes, etc.)

3. Reduzir o risco de desenvolver doenças cardiovasculares em resultado de uma diminuição do colesterol no sangue.

4. Ao nível da forma física, a proteína de ervilha é uma ótima opção para aumentar a massa muscular e a performance física.

5. A proteína de arroz são capazes de aumentar a massa magra, diminuindo a gordura corporal mais rápido do que outras proteínas.


Qual a dose diária recomendada de proteína?

A recomendação geral estabelece uma ingestão de cerca de 0,8g de proteína por quilograma de peso corporal em indivíduos sedentários e até 1,5g/Kg para indivíduos que pratiquem desporto de forma intensiva e regular. Sugerimos que se consulte um nutricionista para ajudar a estabelecer uma dose recomendada de forma personalizada.


As melhores proteínas vegetais

Proteína de arroz: É uma proteína benéfica para a saúde dos músculos, pele e cabelo. As proteínas do arroz são facilmente digeríveis, não-tóxicas e não afetam a saúde do fígado.


Proteína de ervilha: Esta é uma excelente opção para quem pratica atividade física regular por ser rica em aminoácidos, entre eles BCAA – essenciais na construção de massa muscular.


Proteína de cânhamo: Contém todos os aminoácidos essenciais, o que a torna numa das proteínas vegetais mais completas. Para além disto, é também uma excelente fonte de ómega-3 e diversos minerais.


Super Vegan Protein: Uma mistura de proteína de cânhamo, arroz e ervilha, combinando todos os benefícios destas proteínas vegetais incríveis!


Super Green Protein: Para além da mistura das três proteínas vegetais, este produto ainda confere os fantásticos benefícios desintoxicantes e nutritivos da Spirulina, Clorela e Matcha!


Também podes gostar